Buscar
  • Licínio Neto

Parasitas


Os parasitas chupam e o hospedeiro adormece

Os parasitas queimam e o hospedeiro aquece Os parasitas sujam e o hospedeiro esconde Os parasitas propagam e o hospedeiro responde

Os parasitas violam e o hospedeiro capa

Os parasitas furam e o hospedeiro tapa

Os parasitas bebem e o hospedeiro deserta

Os parasitas buzinam e o hospedeiro alerta

Os parasitas envenenam e o hospedeiro treme

Os parasitas torturam e o hospedeiro geme

Os parasitas matam e o hospedeiro chora

Os parasitas iludem e o hospedeiro implora

Os parasitas continuam e o hospedeiro enfurece O hospedeiro adoece e os parasitas morrem Enfim merecem


19 visualizações

© 2020 por Licínio

geral@recadex.pt

+351 917 037 418

@Torres Novas